quinta-feira, dezembro 15, 2011

Regras perversas.

A chuva ainda cai lá fora, mas aqui tudo ainda está igual, apesar de assistirmos pela janela o tempo passar.
Procuramos a vida inteira saber quem iremos nos tornar e quanto tempo iremos durar, esquecendo de lutar enquanto frustados continuamos a esperar.
Nunca alguém diz que não é real, as regras sempre dizem o que fazer, que caminho percorrer, influenciando nossas mentes, criando uma epidemia de zumbis, contaminando tudo a ser o que não é, nos impedindo de crescer.
Sociedade infestada de regras, pessoas desprovidas de opinião, enquanto o pensamento e o que vem do coração se perde na escuridão...

3 comentários:

V. disse...

Oie! Já gostei do blog pelo nome dele.. uma musica do avengend, né? hehe

Em relação ao texto, só li esse por enquanto, tu escreve bem guria. Eu parto do seguinte pensamento: uma pessoa pode escrever de uma maneira, mas passar a mensagem de outra pra quem lê..
Concordo com a última linha, que traz a ideia de pessoas sem opinião formada, formando, como você mesma disse, uma epidemia zumbi, por todos sermos iguais em tudo.

Adorei sim, a maneira como escreve.
Um beijo!

Minha vida é um pôr-do-sol disse...

Você tem um grande pensamento.
Vivemos em um mundo onde é do senso comum ser alienado. Transformam as pessoas em zumbi... Em seres consumistas e não pensantes. É isso que todo o sistema quer de nós.

Vane disse...

Parabéns pelo blog. Adorei os Post. Estou te seguindo. Se der dá uma passadinha lá no meu cantinho
http://amostragratisrecebidas-vane.blogspot.com/